Dueck: O que você pensa sobre o jovem no papel corporativo???
16/07/2013

 

Pergunta complicada caros amigos da SC. No auge dos meus 43 anos, venho tentando buscar estar sempre atento às tendências do mercado e da linguagem, mas confesso que não é fácil.

 

Nesses últimos 05 anos que se passaram , não chegamos nem perto do que teremos de mudanças para os próximos 05 que estão por vir. E o jovem será o grande responsável por essa mudança conceitual.

 

Jovens! O que vamos fazer para acompanha-los???

 

Pesquisas mostram que eles já circulam e dominam 40% de toda a ocupação corporativa e eu tenho certeza que em um futuro muito próximo, teremos muitos desses jovens empreendedores, responsáveis por tendências, responsáveis por mudar a história política do Brasil, traçando assim um novo ritmo de trabalho e postura profissional.

 

O que tenho para dizer para todos os empresários é que, se preparem, estejam de cabeça aberta para absorver esse novo conceito. Que estejam prontos e dentro da velocidade que eles tem para mudanças, e, que mais do que tudo, estejam envolvidos nesse movimento que tende a ser a solução para pessoas e empresas.

 

Sou fã dessa geração ¨PRA JÁ!¨. Será o segredo para que o Brasil se transforme e as empresas se modernizem.

 

Mas não podemos esquecer que a maturidade e a experiência da geração "fidelidade, compromisso e amor ao trabalho", vai ajudar a fazer dessa juventude, que quer mudar tudo, encontrar o momento e o espaço para fazer tudo que a geração deles enxerga, de forma ordenada e planejada.

 

Eles precisam do hoje e isso é bom. Mas temos que enxergar um pouco mais à frente e conseguir equalizar essa volúpia junto a um planejamento com meritocracia, resultados transparentes, plano de carreira objetivo e pacote de acessórios, como prêmios e bônus. Dessa forma, tenham certeza que teremos jovens pensando de forma corporativa.

 

Dica às empresas: montem seu time com esse mix de gerações - a experiência com a juventude. Isso dará muito certo e a convivência será extremamente prazerosa e produtiva para todos os lados.

 

 

Dueck Facco - Jornalista Especializado no setor Automotivo.